Do alemão, Blitzkrieg

Você já ouviu falar do livro “Blitzscaling”?

Escrito por Reid Hoffman, ex Paypal e fundador do Linkedin, o livro é considerado -pelo menos no meio das startups de tecnologia- uma daquelas obras que todo mundo precisar ter lido, mesmo que nunca tenha passado da capa.

Um fenômeno similar ao que acontece com franquias populares, como Star Wars e Vingadores.

Você vê tanta gente falando sobre, que “fica feio” não ter lido ou assistido.

Mas aqui entre nós, um segredo: eu também nunca vi Star Wars, bem, pelo menos não toda a franquia.

Voltando agora à pergunta inicial desse texto: você já ouviu falar do livro Blitzscaling?

O Reid escreveu uma obra prima, descrevendo o modelo de pensamento sobre como crescer adotado pelas startups do Vale do Silicio.

Cresça rápido, abrace o caos, e encontre uma forma de fazer dar certo no caminho.

O que a maioria das pessoas que não leram o livro não sabem, é que o nome dado é uma adaptação do termo Blitzkrieg, uma estratégia usada pelas tropas alemãs durante a segunda guerra.

Durante a primeira fase da guerra as tropas nazistas eram distribuídas em 4 grandes grupos.

A Wehrmacht, que era a infantaria, a Kriegsmarine, ou marinha, a Luftwaffe, que era a divisão aérea, e a divisão Panzer, dos tanques de guerra.

A estratégia Blitzkrieg tinha como objetivo coordenar pelotões mistos dessas 4 grandes unidades, para atacar de forma extremamente acelerada as linhas de frente inimigas, e cortar as comunicações.

Os alemães estavam dispostos a sacrificar a segurança de um plano mais detalhado, pelo ganho de se agir rapidamente e não dar tempo para que o inimigo se prepare ou recupere.

Arriscado? Sem dúvidas, porém, um risco calculado, e que muitos atribuem ser um dos principais motivos do sucesso alemão no começo da guerra.

Prepare-se Para O Novo Normal

Participe do Gestão 4.0 e adquira as ferramentas, networking e estratégias necessárias para levar o seu negócio para a nova realidade em um mundo pós COVID.

Mas como usar isso nos negócios?

Bem, o core da estratégia do Blitzkrieg é simples: qual movimento que você pode fazer de forma extremamente rápida, que caso dê errado, não represente uma total catástrofe, mas que se der certo, vai ser capaz de te gerar muitos ganhos?

No caso alemão, eram os ataques coordenados que tinham como objetivo cortar as linhas de comunicação das forças aliadas.

Se o batalhão que estava atacando falhasse e fosse abatido, as perdas não eram tão grandes, mas caso tivessem sucesso, os soldados inimigos ficavam sem comunicação, não podiam pedir ajuda ou coordenar grandes movimentos, e com isso se tornavam vulneráveis.

E no seu negócio? Qual o risco calculado, que você pode tomar agora, em meio a incerteza do sucesso, mas que apresenta uma relação de perda limitada, e ganhos extraordinários?

Recentemente no G4 isso se materializou no G4 Lives, em meio a toda a confusão vimos ali o potencial de criar um novo produto, iria nos custar tempo e dinheiro que poderia estar sendo direcionado aos produtos já existentes.

Porém, o investimento era relativamente baixo, e o potencial de ganho caso essa nova empreitada funcionasse, bem elevado.

O resultado fala por si só, e hoje esse novo produto já representa 1/3 das vendas online da empresa, tendo alguns milhares de empreendedores e gestores como assinantes.

Minha dica?

Pare algumas horas hoje no final do dia, vá para um lugar calmo, ou peça que as pessoas que estão na sua casa colaborem com o silêncio, abra uma cerveja, um vinho, ou um chá, ou qualquer outra bebida que te ajude a relaxar e reflita: qual risco que você poderia tomar agora para te ajudar a virar o jogo?

Não precisa ser algo extraordinário, e talvez você nem consiga pensar em algo na primeira vez que tentar.

Mas ao criar o hábito de fazer isso regularmente, digamos, uma vez por semana, tenho certeza que em algum momento, uma oportunidade vai surgir na sua mente.

E no pior cenário, você teve alguns momentos de tranquilidade e relaxamento, o que não faz mal a ninguém não é mesmo?

Compartilhe esse artigo

Compartilhe a sua opinião

Continue Lendo: Outros artigos que você pode gostar

No Gestão 4.0 nossa missão é ajudar gestores e líderes de negócios a inovarem e gerarem mais resultados.

Se você quer aprender com alguns dos melhores empreendedores do país, preencha o formulário e receba nossos conteúdos gratuitos.

Descubra como você pode se tornar um Gestor 4.0

Conteúdo sobre negócios, marketing e vendas no seu celular