Pirâmide de Maslow: entenda as necessidades humanas e alavanque os resultados da sua empresa!

Navegue Pelo Artigo

A Pirâmide de Maslow é uma teoria criada por um psicólogo norte-americano chamado Abraham Maslow, que buscou entender as diferentes necessidades do ser humano.

Como sempre falamos aqui na Gestão 4.0, o maior bem de qualquer empresa são as pessoas. Por isso, você, gestor, precisa saber como os seus funcionários, parceiros e clientes pensam para alcançar grandes resultados.

Entendendo o que as pessoas pensam e desejam você pode escolher a melhor abordagem para utilizar com diferentes stakeholders em momentos diversos.

Para Maslow as necessidades humanas se dividem em 5 diferentes níveis, que vão desde a base até o topo da pirâmide: fisiologia, segurança, social, estima e realização pessoal.

Agora, vamos entender o que significa cada um desses 5 níveis da pirâmide de Maslow!

Necessidades fisiológicas

A base da pirâmide é formada pelas necessidades essenciais para a nossa sobrevivência.

Aqui entra o mínimo que qualquer pessoa precisa para sobreviver e ter uma vida minimamente digna: comida, água, abrigo e sono.

A lógica é simples, ninguém vai se importar com propósito e realizações pessoais quando está passando fome e sede. Esse é o nível mais básico de necessidade de qualquer ser humano.

Necessidades de segurança 

Logo após as necessidades fisiológicas, podemos ver a segurança em 2º lugar. Aqui não faz parte apenas a segurança física (que também tem o seu papel e importância), mas tudo aquilo que gera maior estabilidade e segurança para o indivíduo e sua família.

Desde um emprego estável até a segurança de se ter uma casa segura, protegida e equipada para morar, todos queremos segurança nos mais diversos âmbitos da nossa vida. 

Necessidades Sociais

Passadas as necessidades básicas de segurança, pulamos para as necessidades relativas a amor e relacionamentos. Como seres humanos somos seres sociais e temos uma necessidade gigante de pertencimento e afeto. 

Dentro desse tipo de necessidade entra a nossa relação com a comunidade, nossa proximidade com a família e relações de amizade e amorosas.

Necessidade de estima

Essa é uma necessidade um pouco mais subjetiva quando comparada às anteriores, mas se trata basicamente da forma como os outros te vêem e como você mesmo se enxerga.

Aqui a pessoa já está em um nível onde não busca apenas viver, mas também se tornar uma referência, sendo reconhecido e admirado por aqueles que estão à sua volta.

Mais do que isso, dentro da necessidade de estima podemos ver a forma como você mesmo se enxerga. Uma boa autoestima é essencial para qualquer pessoa que deseja ter uma vida melhor.

Necessidade de realização pessoal

A última necessidade é também aquela mais relacionada a propósitos de vida, valores e cultura. 

Aqui nesse nível você está buscando alcançar os seus maiores objetivos, se tornando uma pessoa realizada com si mesmo. 

E agora, como aplicar?

Agora que você já entendeu como as nossas necessidades estão divididas, chegou a hora de aplicar esse conceito no seu negócio.

Em nosso dia a dia, convivemos com uma série de pessoas, sejam eles colaboradores, clientes, parceiros ou outros stakeholders, e todos eles têm necessidades mais ou menos latentes.

Por este motivo, a pirâmide de Maslow não é útil apenas para uma área da empresa, mas para quase todas elas. 

Vamos colocar aqui como você pode utilizar esse conceito para melhorar os seus resultados em diferentes áreas, confira!

Utilizando a pirâmide de Maslow em marketing e vendas

Provavelmente a mais lógica e famosa utilização da pirâmide de Maslow é justamente para a área de marketing e vendas.

O seu objetivo nesse ponto é utilizar das necessidades humanas para atrair um maior número de interessados e vender mais, mas isso só será possível caso você acerte qual a necessidade real do seu público.

Você precisa estudar o comportamento do seu consumidor e então direcionar a sua comunicação para as necessidades mais urgentes, que vão levar o seu cliente a uma compra mais rápida.

Além disso, em seu pitch de vendas é extremamente importante relembrar como sua solução ajuda o cliente em suas diferentes necessidades.

Nesse ponto vale perceber que quanto mais abaixo na pirâmide maior a demanda, mas também maior a concorrência. Os produtos mais abaixo tendem a ser mais comoditizados, enquanto para oferecer soluções do topo da pirâmide você precisa oferecer uma experiência.

Por exemplo, no mercado alimentício um arroz e feijão atende meramente as necessidades fisiológicas.

Já um restaurante de alto nível, com estrelas michelin, pode atender também às necessidades sociais, como um encontro com amigos, pode ser um símbolo de status, e até mesmo pode ser uma realização pessoal para quem sempre sonhou em estar naquele restaurante.

Utilizando a pirâmide de Maslow em gestão de pessoas

Aqui você precisa entender o momento de cada um dos colaboradores da sua empresa e o que eles estão buscando.

Na maior parte dos casos, os funcionários de cargos com os menores salários são obrigados a também pensar mais nas necessidades fisiológicas e na segurança própria e da família, sendo assim, não adianta apenas chegar para essa pessoa tentando motivá-la com os valores da empresa.

O mínimo que você precisa oferecer desde o primeiro momento são esses dois pilares, mas ainda assim, não é o bastante. Busque integrar todo o seu time em uma cultura colaborativa, onde seu colaborador realmente se sinta bem de estar convivendo com as pessoas que ali estão.

Trace também planos para despertar as necessidades de estima e realização pessoal, mostrando como a pessoa pode crescer e ser reconhecida pelo bom trabalho.

Sendo assim, ao mesmo tempo que os seus colaboradores sobem de cargos, as preocupações deles também vão mudar e você precisa estar atento para suprir as necessidades de todos da melhor forma possível.

Caso você consiga fazer um bom trabalho, suprindo esses 5 tipos de necessidades diferentes em todos os seus colaboradores, você terá uma equipe alinhada, motivada e feliz, pronta para alcançar grandes resultados.

Utilizando a pirâmide de Maslow em customer experience

E o que fazer com os seus clientes atuais?

Simples, assim como você fez com os colaboradores, aqui você precisa entender de verdade os seus clientes, os seus valores, motivações, e o que ele busca na sua solução.

Tente a partir das necessidades mostradas aqui, ajudar o cliente a encontrar como o seu produto pode ajudá-lo nas suas necessidades mais urgentes. Busque criar valor ajudando o seu cliente em diferentes necessidades.

O seu produto não deve ser apenas mais um, e sim uma forma do seu cliente suprir as suas diferentes necessidades!

Gostou? Compartilhe

Compartilhe esse artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continue Lendo: Outros artigos que você pode gostar

No Gestão 4.0 nossa missão é ajudar gestores e líderes de negócios a inovarem e gerarem mais resultados.

Se você quer aprender com alguns dos melhores empreendedores do país, preencha o formulário e receba nossos conteúdos gratuitos.

Descubra como você pode se tornar um Gestor 4.0

Confira mais conteúdos do G4 no Instagram

×