Os 14 Princípios de liderança da Amazon

Navegue Pelo Artigo

A Amazon tem e opera por uma lista própria de princípios de liderança da qual faz uso diário, enquanto discute ideias para novos projetos, decide a melhor abordagem para resolver um problema ou para contratar uma nova pessoa para o time.

Eu compartilho de forma contínua, a importância que uma cultura sólida tem para sustentar o crescimento de um negócio. Com uma boa liderança, um propósito claro e uma cultura consolidada, bons talentos abrem mão de trabalhar em uma corporação que pagará mais a eles, para trabalhar na sua empresa, pois acreditam no conceito que ela representa. O Alfredo, meu sócio no Gestão 4.0, também já falou por aqui sobre o tema e trouxe pontos que acredita, como os pilares de um bom líder. Não coincidentemente, há muito em comum com os princípios da Amazon. Mas voltando para o benchmark deste artigo, vamos nos ater à Amazon.

A empresa, em duas décadas, foi de uma vendedora de livros para um concorrente de todos os líderes do setor de varejo, publicação, logística, wireless, brinquedos, dispositivos, vestuário e computação em nuvem.

A Amazon possui uma cultura única de contratação e desenvolvimento de líderes com foco em 14 princípios de liderança, que orientaram e moldaram as decisões da empresa e sua cultura empresarial inovadora.

Os princípios de liderança da Amazon foram gravados e praticados repetidamente, até construir-se uma baita cultura, altamente baseada em execução. Todos os funcionários devem aderir a eles, e a organização testa todas as futuras contratações com base nos mesmos critérios.

Estabelecer valores corporativos não é algo novo. Há inúmeros negócios espalhados por todo o mundo que o fazem. É fácil reunir valores e exibi-los nas paredes do escritório, mas colocá-los em prática diariamente é uma tarefa complexa. Porém, no caso da empresa em questão, ter uma mentalidade centrada no cliente está no topo da lista, e a obsessão da empresa por clientes, frugalidade e tendência para a ação são evidentes. O que me faz pensar que a empresa de Bezos teve sucesso em aderir aos seus valores melhor do que muitas outras corporações, pois eles são facilmente notados.

Alguns dos princípios de liderança da Amazon podem não ser os mais adequados para o seu negócio, portanto, personalize-os de acordo com sua visão ou experimente-os. Eles estão disponíveis no site da Amazon e listei-os abaixo:

1. Obsessão pelo cliente

Os líderes começam com o cliente e trabalham vigorosamente para ganhar e manter a confiança dele. Embora os líderes da Amazon prestem atenção aos concorrentes, eles sempre possuem o cliente como figura central.

2. Senso de responsabilidade

Os líderes possuem senso de responsabilidade. Eles pensam a longo prazo e não sacrificam o valor de longo prazo por resultados de curto prazo. Como gestores, atuam em nome de toda a empresa, não apenas de sua própria equipe. Eles nunca dizem “isso não é meu trabalho”.

3. Inventar e simplificar

De acordo com os princípios da Amazon, os líderes esperam e exigem inovação e invenção de suas equipes e sempre encontram maneiras de simplificar. Eles estão externamente cientes, procuram novas ideias de todos os lugares. Ao fazerem coisas novas, aceitam que podem ser mal compreendidos por longos períodos de tempo.

4. Estão certos, e muito

Os líderes possuem um bom senso de negócios e bons instintos. Eles buscam por diferentes perspectivas e trabalham para desconstruir as suas crenças.

Além disso, estudam e são curiosos, buscando de forma contínua o auto aprimoramento, também sendo curiosos em relação a novas possibilidades, agindo para explorá-las.

5. Contrate e desenvolva o melhor

Os líderes elevam o nível de desempenho a cada contratação e promoção. Eles reconhecem talentos excepcionais e os movem de boa vontade por toda a organização.

São líderes que desenvolvem outros líderes e levam a sério seu papel de treinar os outros, além de criar mecanismos de desenvolvimento, possibilitando que o subordinado tenha opções de carreira.

6. Insista nos mais elevados padrões

Os gestores têm padrões altos, tão altos que muitas pessoas podem pensar que esses padrões são exagerados. Eles estão continuamente elevando o nível e direcionando suas equipes para fornecer produtos, serviços e processos de alta qualidade. Os líderes garantem que os problemas sejam corrigidos para que permaneçam corrigidos.

7. Pense Grande

Pensar pequeno é uma profecia que se autorealiza, segundo a Amazon. Além disso, como Jorge Paulo, fundador da AB Inbev, diz: “Pensar grande e pensar pequeno dá o mesmo trabalho”.

Assim, os líderes devem criar e comunicar uma direção ousada que inspira resultados. Eles pensam de forma diferente e procuram maneiras de atender os clientes.

8. Preconceito para a ação

A velocidade é importante nos negócios. Muitas decisões e ações são reversíveis e não requerem um estudo extensivo. Assim, a Amazon valoriza a tomada de riscos calculados.

9. Frugalidade

Basicamente, é a ideia de realizar mais com menos. A Amazon tenta não gastar dinheiro com coisas que não importam para os clientes. A frugalidade gera desenvoltura, autossuficiência e invenção. Não há pontos extras para número de funcionários, tamanho do orçamento ou despesas fixas.

A frugalidade impulsiona a inovação, assim como outras restrições fazem. “Uma das únicas maneiras de sair de uma caixa apertada é inventar sua saída. ”

10. Vocalmente autocrítico

Os líderes não acreditam que o odor corporal deles ou de sua equipe cheire a perfume. Os líderes apresentam problemas ou informações, mesmo quando isso é estranho ou embaraçoso. Eles avaliam a si mesmos e a suas equipes como os melhores.

11. Ganhe a confiança de outras pessoas

Líderes escutam atenciosamente, falam quando preciso e respeitam os outros. Como gestores, devem ter a mente aberta, ouvir genuinamente e estarem dispostos a examinar suas convicções mais fortes com humildade.

12. Mergulhe fundo

Os gestores operam em todos os níveis, permanecem conectados aos detalhes e auditam com frequência. Nenhuma tarefa está abaixo deles.

13. Ter opinião; Discordar e se comprometer

Os líderes são obrigados a desafiar as decisões respeitosamente quando discordam, mesmo quando isso for desconfortável ou exaustivo. Os líderes têm convicção e são tenazes. Eles não se comprometem em prol da coesão social. Uma vez que uma decisão é determinada, eles se comprometem totalmente.

14. Entregar Resultados

Os líderes concentram-se nos principais insumos para seus negócios e os entregam com a qualidade certa e em tempo hábil. Apesar dos contratempos, eles estão à altura da situação e nunca se acomodam.

Estes são os princípios de liderança da Amazon. Qual deles você considera relevante e por quê? Qual deles você mais gosta? Por favor, compartilhe suas opiniões na caixa de comentários abaixo, para que todos possamos aprender com sua experiência e visão.

Gostou? Compartilhe

Compartilhe esse artigo

Uma resposta

  1. Penso que a filosofia de trabalho das grandes empresas servem perfeitamente para qualquer tipo de negócio dentro das suas particularidades… a grande dificuldade está no pensamento imediatista… instalar uma cultura empresarial leva tempo e exige investimento e persistência!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Continue Lendo: Outros artigos que você pode gostar

No Gestão 4.0 nossa missão é ajudar gestores e líderes de negócios a inovarem e gerarem mais resultados.

Se você quer aprender com alguns dos melhores empreendedores do país, preencha o formulário e receba nossos conteúdos gratuitos.

Descubra como você pode se tornar um Gestor 4.0

Confira mais conteúdos do G4 no Instagram

×